Produção artesanal com ares de empreendedorismo

Produção artesanal com ares de empreendedorismo
Artesanato produzido nos clubes de mães da Afasc ganham revista CriAtiva como vitrine
Ana Paula Cardoso - anacardoso@engeplus.com.br
Fortalecer a inclusão produtiva nos 121 clubes de mães que compõem a Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (Afasc) para um reforço na renda familiar por meio do artesanato. Essa filosofia da Afasc, com foco empresarial, ganhou um grande reforço que tem tudo para atravessar os limites entre Criciúma e municípios vizinhos.
O talento das três mil mulheres que se dedicam nos clubes de mães, a partir deste mês, estamparão as páginas de uma revista que será lançada nesta sexta-feira na sede do Centro de Convivência da Melhor Idade. A revista CriAtiva, traz em sua edição inaugural, os trabalhos - ideias bem criativas - das 30 capacitadoras dos clubes. Na revista o conhecimento é compartilhado. E cada produto está exposto como uma receita, com seus materiais a serem usados, quantidade, tem o passo a passo para ser feito, fotos de cada etapa e imagens finais do produto, é uma experiência pioneira. Na próxima edição, serão publicados os trabalhos das próprias alunas, as frequentadoras artesãs. Os trabalhos serão escolhidos pelas monitoras, explica a coordenadora de assistência social, Naiany Colombo Dias.
Cada produto que sai na revista irá compor um catálogo que vai viajar pelas comunidades nas mãos das monitoras dos clubes para que nos bairros a população conheça o que é produzido e possa se interessar e fazer encomendas. Queremos que a revista ajude a induzir o trabalho das artesãs e que ele seja encarado de maneira mais formal pelas famílias. Nos clubes de mães treinamos o olhar delas para o empreendedorismo, para o lado administrativo e empresarial da atividade. Com isso, elas são instigadas a fazer um produto de maior qualidade, mais bem acabado e mais criativo, comenta a presidente da Afasc,Izabel Cristina Grijó Búrigo.
Nesta sexta-feira, durante o lançamento, serão recebidas as primeiras-damas dos municípios da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) para que conheçam a produção e possam ser trocadas informações e receitas de artesanato. Elas devem chegar com sede de artesanato. E isso pode ser o início de um roteiro de artesanato para o futuro. Os municípios vizinhos são ricos em sua produção e podemos fazer um intercâmbio de ideias e até expandir a revista. O negócio é passar o conhecimento adiante, resume Izabel.
Saiba mais - O projeto da revista começou a ser desenvolvido no mês de julho e é lançado neste mês. A periodicidade da publicação é anual e tem custo de R$ 5. A verba obtida com a venda será revertida para a compra de materiais para a produção do artesanato nos clubes de mães. A tiragem inicial da CriAtiva é de cinco mil exemplares. Para adquirir a revista, pode-se entrar em contato com a Afasc pelo telefone (48) 3445-8950.
http://www.engeplus.com.br