Feira de Artes e Artesanatos passa a ser opção de lazer na Nicola Vivilechio em Taboão

Todos os sábados
Taboão
Feira de Artes e Artesanatos passa a ser opção de lazer na Nicola Vivilechio em Taboão
Uma vasta variedade de artesanatos, entre quadros, pulseiras, aquários, cortinas, bolsas, abajur e bonecas fizeram da Praça Nicola Vivilechio, centro de Taboão da Serra, uma das mais novas opções de lazer para todos os sábados do mês. Diversos moradores e visitantes da cidade foram conferir de perto a Feira de Artes e Artesanatos, que teve início neste sábado, dia 5 de outubro. Nem mesmo o tempo frio afastou quem gosta de novidades e peças personalizadas feitas pelos próprios artesãos do município. O encanto das pessoas era grande e os artistas não escondiam a satisfação de expor os seus trabalhos. Ao todo 42 deles participaram da feira.
O fomento do artesanato e das artes como forma de renda aos artesões é o principal objetivo com a realização da Feira, afirmou o secretário de Cultura, Ali Sati em entrevista ao Jornal na Net. Segundo ele, o fomento possibilita o artesão a vender seus trabalhos na própria cidade, sem que eles precisem ir até um outro município, a fim de expor as suas artes. Ele defendeu a praça como um espaço público. Esse é um projeto piloto que deu certo. Tenho certeza que vamos avançar com a Feira, disse satisfeito.
O secretário adiantou à reportagem que estuda projeto para implantar três pistas de skate no município, um dos locais já certos para receber a pista, é ao lado do Ginásio de Esportes. A meta da secretaria de Cultura é tornar Taboão um pólo gerador e fomentador de ações culturais em todos os cantos da cidade, afirmou.
Everaldo Barreto da Ong Ararats, criada por artesãos e artistas moradores de Taboão, ressaltou que além de criar identidade e referência dos artesões por meio da Feira e do fomento da arte, o objetivo é garantir parceria público, privada e dos governos Federal e Estadual. Já mapeamos a praça e será possível colocar 60 barracas padronizadas, entre elas 10 de alimentação e uma de ação social. Semanalmente terá oficina de artes para o público, explicou.
Silvana Ladeira presidente da Ong é uma das artesãs que expôs seus trabalhos na feira. Animada e esperançosa, ela já pensa nas vendas do Natal. Para o Natal vai ser muito lindo. Imagina todas as barracas padronizadas e a praça cheia delas?, disse.
A feira foi aprovada pelos moradores e visitantes da cidade. Para Betânia Pereira do bairro Trianon a feira tem muita arte diferente, interessante com retalho, fuxico. Ela afirmou que no próximo sábado irá levar para a feira primos e irmãos, além de elogiar os preços bem em conta.
A moradora do Jardim Roberto, Rosa Nunes não escondia o encantamento com tantas diversidades de artesanatos. Estou achando maravilhoso. Tudo com muita criatividade e bom gosto, disse. Ela contou que já foi na Feira de Embu das Artes e agora vai passar a visitar com mais frequência a de Taboão. Gostei de tudo, tudo lindo, frisou.
Silvia Helena afirmou ter gostado de tudo. Ela comentou também sobre a boa organização da Feira e a limpeza da praça. Acho muito importante cuidar da praça. Agora ela está limpa. Antes tinha muita sujeira e nenhuma conservação, observou.
O caminhoneiro Edson Franco estava impressionado nos detalhes de cada peça de arte. Parei o caminhão para descansar, mas não podia deixar de comprar e visitar a Feira. É tudo com muitos detalhes, comentou.
Também era possível notar durante a Feira, os constantes clicks diante dos quadros expostos. A feira acontece todos os sábados, das 14h às 20h.
http://www.jornalnanet.com.br