Cidesa promove Seminário da Agricultura Familiar na Fundação Rio Verde


O evento terá início às 8h, no auditório da Fundação Rio Verde
Visando aumentar a visibilidade da agricultura familiar e dos pequenos agricultores, 2014 foi eleito pelos 193 países membros da Organização das Nações Unidas como o Ano Internacional da Agricultura Familiar. O objetivo da ação é promover em todos os países políticas públicas que favoreçam o desenvolvimento sustentável de sistemas de produção agrícola baseados em unidades familiares.
Diante disso, o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Alto Teles Pires (Cidesa) promove nesta sexta-feira (28) durante o Show Safra BR 163, no auditório da Fundação Rio Verde, o Seminário da Agricultura Familiar do Cidesa.
O evento é voltado à prefeitos, secretários, técnicos na área, agricultores familiares e todo o público em geral que tem interesse no desenvolvimento da agricultura familiar.
O encontro terá início às 8h e contará com palestra sobre fortalecimento da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), reestruturação do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea) e Serviço Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar (Susaf), com o secretário estadual de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar, Luiz Carlos Alécio.
Também será abordado o apoio da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM) na elaboração do Plano Municipal de Desenvolvimento Agrícola Sustentável, com o gerente de Desenvolvimento Econômico da AMM, Hudson Saturnino dos Anjos.
Outro tema que será debatido são as Políticas, Programas e Parcerias Públicas para Agricultura Familiar, com o delegado federal do Desenvolvimento Agrário, Nelson Luis Borges de Barros.
A reunião também contará com palestras sobre o Projeto Alternativo de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário, com um representante da Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Estado de Mato Grosso (Fetagri-MT) e sobre o Plano Municipal e Regional de Desenvolvimento Rural Sustentável, com Gelso Marchioro, da Associação dos Pequenos Produtores do Oeste Catarinense (Apaco).
O seminário ainda deve contar com a presença do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Neri Geller.
Consta também na programação a entrega do Projeto Fio Têxtil ao Banco do Brasil. O projeto diz respeito a uma parcela do Projeto Mulheres de Fibra, proposta da administração municipal do prefeito Otaviano Pivetta e do vice Miguel Vaz. Esta parcela tratará da parte industrial de fiação, utilizando de 15 a 17 mil hectares de algodão e gerando mais de 180 empregos diretos.
Fazem parte do Cidesa os municípios de Cláudia, Feliz Natal, Ipiranga do Norte, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Nova Ubiratã, Santa Carmem, Santa Rita do Trivelato, São José do Rio Claro, Sinop, Sorriso, Tapurah, União do Sul e Vera.
http://www.expressomt.com.br/