Artesãos trabalham temporariamente na Câmara de Uberlândia

Centro de Fiação e Tecelagem passa por reforma.
Artesãos realizam trabalho no saguão do Centro Administrativo.
Do G1 Triângulo Mineiro
Tears já ocupam Centro Administrativo
Artesão do Centro de Fiação e Tecelagem de Uberlândia ficarão temporariamente, a partir desta quarta-feira (4), trabalhando na Câmara Municipal. O prédio do projeto passa por reforma, e por isso, durante seis meses, entre as 13h às 17h, de segunda a sexta-feira, cerca de 15 artesãos vão trabalhar no saguão do 1º bloco do Centro Administrativo. Os teares já foram montados no local.
Segundo a secretária de Governo, Rosângela Paniago, haverá uma reforma completa em toda a estrutura do imóvel do projeto, com a troca do telhado e adequação do ambiente. O objetivo é tornar o prédio num dos pontos turísticos de Uberlândia. Vai ser uma nova forma de cultura, diversidade e turismo dentro do que há de mais belo nas mãos e pés de quem conhece como ninguém o tear, explicou.
Uma das novidades é a loja com café, que vai possibilitar a comercialização dos produtos em estilo próprio. Ao todo, serão gastos R$ 700 mil na obra. A licitação da contrução foi vencida pela empresa Cozan. Além da reforma, o Centro de Fiação e Tecelagem passará a chamar Fios do Cerrado. A expectativa da Prefeitura é que o local se torne um local de alta visitação.
G1