Artesãos de Friburgo, RJ, podem expor trabalhos em cidades da copa


Projeto Vitrines Culturais irá expor artesanato de todo o Brasil.
O edital fica aberto até 6 de abril e pode selecionar até 60.000 peças.
Do G1 Região Serrana
Os artesãos de Nova Friburgo, Região Serrana do Rio, vão poder expor e comercializar os seus trabalhos nos espaços culturais das cidades-sede da Copa do Mundo de 2014. Nesta terça-feira (1º), os interessados devem comparecer a uma reunião sobre o assunto na sede do Sebrae, às 14h.
O Ministério da Cultura e a Secretaria da Micro e Pequena Empresa da Presidência da República lançaram edital para seleção de peças artesanais para o projeto Vitrines Culturais, que promoverão, entre 12 de junho e 13 de julho de 2014, exposições e comercialização de artesanatos de alta qualidade de todos os estados do Brasil.
As exposições acontecerão nas Fifa Fan Fest e espaços culturais das cidades-sede dos jogos, com ênfase em Manaus, Recife, Salvador, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre.
O edital fica aberto até 6 de abril e pode selecionar até 60.000 peças artesanais, de valor simbólico e estético, que expressem valores culturais brasileiros. Podem participar artesãos brasileiros de qualquer parte do país, de forma individual ou por meio de grupos produtivos, núcleos, associações ou cooperativas de artesãos.
A exigência é que os candidatos estejam cadastrados no Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato Brasileiro (Sicab), coordenado pelo Programa do Artesanato Brasileiro (PAB). O projeto Vitrines Culturais é coordenado pela Secretaria da Economia Criativa do Ministério da Cultura, em parceria com a Secretaria da Micro e Pequena Empresa, vinculada à Presidência da República, e do Sebrae.