Artesãos da Feira do Sol deixam galpão da Estrada de Ferro, em RO

Artesãos da Feira do Sol deixam galpão da Estrada de Ferro, em RO
Mudança ocorre devido a reestruturação do local, segundo Semdestur.
A partir de dezembro, feirantes devem ocupar antigo prédio da Enaro.
Do G1 RO
Artesãos da Feira do Sol deixam o espaço interno do galpão II da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré
Após quase oito meses, os feirantes da Feira do Sol deixam de ocupar o o galpão II da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, em Porto Velho e voltam a expor seus produtos, temporariamente, na parte externa do local. O motivo é a reestruturação do galpão que dará lugar a um centro de tecnologia, de tempo integral e de funcionamento diário por 24h. A partir de dezembro, os feirantes passam a ocupar o antigo prédio da Enaro, que também passará por reformas.
De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Turismo (Semdestur), as reformas acontecem através de uma parceria entre prefeitura e o Serviço Nacional da Indústria (Senai). O Senai vai reestruturar o edifício para que possa abrigar a feira de artesanato. A escola que funcionará no galpão II será uma grande conquista para o município. Lá serão realizados diversos cursos voltados para a informática e outras áreas de tecnologias, afirma Geraldo Afonso, secretário da Semdestur.
Tanto o galpão II, quanto o prédio da Enaro, ambos na EFMM, passarão por mudanças que fazem parte do projeto de revitalização do complexo. Mas, segundo a prefeitura, a obra não deverá descaracterizar os modelos tradicionais dos prédios. A obra deve iniciar ainda este mês com prazo de entrega até o final de dezembro de 2013, segundo a Semdestur.
G1