Feira do Artesanato já movimentou R$ 480 mil no Pará

Feira do Artesanato já movimentou R$ 480 mil no Pará
Evento pode ser visitado até domingo, 31, no Hangar, em Belém.
Estandes expõem o trabalho de artesãos de diversas nacionalidades.
Do G1 PA
A Feira do Artesanato Mundial (FAM) e Feira do Artesanato Paraense (FAP) já movimentaram cerca de R$ 480 mil desde sua abertura no último sábado (23), com a venda de 32 mil peças. O evento reúne a cultura de diversos Estados e países em torno do tema Do tradicional ao contemporâneo: O artesanato está no dia a dia, para mostrar, em 70 estandes, a beleza, tradição e funcionalidade desse ofício.
Feira Mundial do Artesanato é realizada em Belém.
Nos quatro primeiros dias da programação, 25 mil pessoas já visitaram o Centro de Convenções da Amazônia, movimentando R$ 480 mil com a comercialização de 32 mil produtos.
Dos 38 municípios paraenses com estandes na feira, Belém foi o que mais arrecadou com as vendas, com um total de R$ 10.976,50, o equivalente a 41,45% do lucro total. A meta da organização do evento, a cargo da Charph Eventos e da Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda (Seter), é atingir a marca de R$ 882 mil em vendas até o encerramento da programação, no dia 31.
Um dos atrativos da edição deste ano é liberação de entrada gratuita ao público no período das 15h às 18h até a próxima quinta-feira (28). São 1.200 artesãos envolvidos nesse mix cultural e apoiados pelo Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), 44.100 peças expostas, 38 municípios, 14 estados e 23 países participantes, além de uma expectativa de público estimada em 85 mil pessoas.
No nosso estado é uma fonte rica de produção artesanal e a feira é um espaço que permite que a gente projete e profissionalize esse trabalho, oferecendo oportunidade de negócios futuros a partir do que a gente expõe aqui, explica o artesão Levy Cardoso.
Comparada às edições anteriores, essa terceira edição inovou e o nosso objetivo no primeiro dia foi atingido. Apresentamos o artesanato nacional e de outros países ao público, que também já está criando uma relação de fidelidade com a Feira, comparecendo e participando expressivamente. Pelo o que temos visto em termos de lucros gerados aos artesãos e de participação do público a Feira será novamente um grande sucesso, afirma Glória Pereira, uma das coordenadoras do programa de artesanato da Seter.
Serviço: A Feira do Artesanato Paraense segue até o dia 31 de agosto, das 15h às 22h, no Hangar Convenções e Feiras da Amazônia.

Alimentos & Bebidas
Artesanato
Turismo