Oficina no Pará apóia inovação na pecuária leiteira familiar


Tecnologia
Objetivo é organizar a pesquisa e ofertar tecnologias para a pecuária leiteira familiar no bioma amazônico
por Portal Brasil
Organizar a pesquisa e ofertar tecnologias para a pecuária leiteira familiar no bioma amazônico. Este é o objetivo da II Oficina Temática do Leite que ocorre em Marabá (PA), até quinta-feira (20). Promovido pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a oficina conta com palestras, debates e trabalhos em grupo para promover a integração entre pesquisa, assistência técnica e agricultores familiares do setor.
As oficinas temáticas fazem parte do Plano Nacional de Inovação da Agricultura Familiar que o MDA e Embrapa estão construindo com as organizações estaduais de pesquisa, Redes de Ater e representações da agricultura familiar. O Plano deve ser lançado oficialmente em abril.
Para o coordenador de Inovação e Sustentabilidade da Secretaria da Agricultura Familiar do MDA, Hur Ben Corrêa da Silva, esta oficina é parte da metodologia adotada para integrar Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) e pesquisa agropecuária, incluindo o ensino, com a agricultura familiar. Há a construção de uma agenda comum de trabalho que visa apoiar o processo de inovação da pecuária leiteira familiar, acrescenta.
Participam do encontro, coordenadores e técnicos das instituições selecionadas pelas Chamadas Públicas do Leite que atuam na região; organizações de Ater; pesquisadores da Embrapa; e organizações que atuam na cadeia do leite na região, como laticínios, cooperativas e organizações da agricultura familiar.
Manhã
No início da oficina, nesta quarta-feira (19), representante do MDA fez palestra sobre a Interação Ensino, Pesquisa, Ater e Agricultura Familiar para promover inovação e sustentabilidade.
Outras oficinas
Além desta oficina em Marabá (PA), outras cinco serão realizadas no País. Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e a região do Semiárido serão os próximos a receberem a oficina até o final de maio.
Fonte: Ministério do Desenvolvimento Agrário

Alimentos & Bebidas
Artesanato
Turismo