Mercado do Jaraguá oferece culinária regional a maceioenses

Localizado num bairro histórico da capital, o Mercado do Jaraguá tem conseguido conquistar a população pela boca. Quem passa pelo local, não deixa de sentir o cheirinho gostoso da comida, seja de manhã ou pela tarde.
O local, administrado pela Secretaria Municipal de Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes), é um dos pontos altos nas referências gastronômicas de Maceió com pratos típicos da culinária regional, que já conquistaram paladares aguçados de turistas e maceioenses.
Há mais de 20 anos, desde que o local abriu as portas, o empresário Arnon Castro Alves, que possui um escritório nas redondezas, vai todos os dias ao Mercado do Jaraguá. “Aqui fica próximo ao escritório, tem uma cervejinha gelada e uma feijoada boa. A comida é très bien, e a feijoada é o ponto alto do mercado. Vem sempre muita gente boa para cá. Eu chego aqui por volta das 12 horas e saio lá pelas 14 horas. Vou para casa satisfeito”, conta o empresário.
Para o administrador do local, Leandro Lino, a gastronomia é o ponto forte do Mercado do Jaraguá. “De manhã, temos muitas opções com a típica culinária regional. No almoço, os clientes podem escolher as melhores comidas para os demais paladares e tudo com preços acessíveis”, garante o administrador.
E é sob o comando de Josefa dos Santos que o restaurante “Recanto da Baiana” recebe em média 120 pessoas por dia. O reconhecimento veio com uma famosa feijoada que é difícil resistir. “Eu fico muito feliz com o sucesso do nosso mercado. Agradeço, primeiramente, a Deus, depois ao Prefeito Rui Palmeira e ao secretário da Semtabes, Ricardo Lessa, que têm ajudado muito a gente”, afirma a permissionária.
Além do restaurante da Baiana, outros pontos fazem o mercado lotar, como “O Sertanejo”, a “Companhia da Alimentação” e a “Comedoria Jaraguá”, entre outras pequenas lanchonetes. Além disso, o local abriga uma diversidade de lojas, como as de economia solidária, com a venda de artesanato, venda de frutas e legumes, serviços de informática, mercearias, açougue, sapataria e outros serviços.
Com 57 lojas, o local está crescendo e melhorando cada vez mais. “O Mercado do Jaraguá foi um dos primeiros no processo de requalificação de mercados e feiras realizado pela Prefeitura, através da Semtabes. E o nosso objetivo é explorar o potencial turístico do estabelecimento e torná-lo como um polo gastronômico e melhor atender nossa população”, aponta o administrador Leandro Lino.
O Mercado do Jaraguá funciona de segunda-feira a sábado, das 6h às 18h.
Fonte: Primeira Edição - http://www.primeiraedicao.com.br/noticia/2017/03/25/mercado-do-jaragua-oferece-culinaria-regional-a-maceioenses

Alimentos & Bebidas
Artesanato
Turismo